Chicão Castro assina material exclusivo gratuito sobre ecoturismo em Bonito

18.10.2020

O projeto MS+Bonito, que possui o objetivo de levar sul-mato-grossenses até Bonito-MS com preços mais acessíveis, lançou na última sexta-feira (09) um e-book assinado pelo cantor Chicão Castro, onde ele conta um pouco da experiência em diversos passeios do município. Dentre os atrativos explorados por ele estão: Flutuação no Refúgio da Barra, mergulho na Lagoa Misteriosa e cachoeiras na Serra da Bodoquena. O material poderá servir de guia para quem deseja ter uma experiência parecida na cidade, 16 vezes premiada como Melhor Destino de Ecoturismo do Brasil, referência por sua estrutura e recepção de turistas do mundo todo.

Ao todo, são oito passeios e atrativos descritos por Chicão, uma hospedagem e dois restaurantes. Na sessão “Notas do Chicão”, o cantor explica alguns detalhes da viagem como biossegurança durante a pandemia, locais nos quais ele mais se emocionou e outros pontos importantes. “Seis meses já se passaram nessa pandemia, então para quem quer passear, quer conhecer Bonito, viajar, mas tem medo de sair por questão de segurança, pode ficar tranquilo porque a segurança está sendo extrema” afirma Chicão.

Segundo ele, o destino tem sido apontado como um dos mais seguros do mundo para esse momento, tendo recebido diversos certificados como o Safe Travels, do Conselho Mundial de Viagens e Turismo (World Travel & Tourism Council). “Em todos os locais está todo mundo usando máscara, álcool gel, luva de proteção nas mãos para servir a comida, fazendo o distanciamento das mesas. Mesmo com a pandemia, devido aos protocolos de higiene e biossegurança que os passeios têm adotado, está sendo muito seguro para os turistas”, reforça o músico.

Destino certificado

Bonito se destaca como um destino ideal para quem se preocupa em viajar com segurança, pois os passeios são feitos ao ar livre e sem aglomerações. “O principal diferencial é a prática de atividades em ambientes abertos, além disso a limitação de pessoas por passeio já era praticada antes da pandemia. A higienização dos equipamentos usados era feita com produtos industriais passeio a passeio, e agora os cuidados de higiene foram redobrados”, explica Kassilene Cardadeiro, diretora da H2O Ecoturismo e a gestora do projeto MS+Bonito.

Fonte: Enfoque MS

Voltar ao Topo

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Envie sua notícia

(67) 99968-0055

© 2019 Diário MS News. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.
Livre reprodução, transmissão ou redistribuição dos conteúdos sem edição. Pede-se a citação do crédito.

Site desenvolvido por: