Educativa 104.7 FM está entre 10 rádios favoritas dos campo-grandenses⁣

Instituto Ranking Pesquisa

23.11.2019

Pesquisa do Instituto Ranking mostra emissora pública entre as preferidas do público e cresceu obtendo 9º lugar com 5,03%. das mais ouvidas da Capital  ficando logo abaixo das principais emissoras do município. Outro dado relevante é que a Educativa 104 FM aparece em primeiro lugar entre as rádios educativas, UNIDERP FM 103.7, FM UCDB 91,5 e Educativa UFMS FM 99.9.⁣

Prestes a comemorar 25 anos de operações e de ganhar investimentos para melhorar sua qualidade técnica, a Educativa 104.7 FM –a “104” ou apenas “Educativa” para os ouvintes– aparece entre as rádios favoritas dos campo-grandenses, conforme pesquisa do Instituto Ranking com 3 mil pessoas na Capital sul-mato-grossense.⁣

O levantamento, realizado entre 21 e 31 de outubro, ainda aponta a emissora estatal sul-mato-grossense como líder entre as rádios educativas e lista programas e locutores entre os preferidos da audiência, na concorrência direta com as rádios privadas. Além disso, apontou que o rádio segue como o meio de comunicação mais confiável, com 52,2% das respostas –frente 42,06% da TV, 41,5% da internet e 32,16% dos jornais.⁣

O Instituto Ranking foi às ruas de Campo Grande entre os dias 21 e 31 de outubro para ouvir campo-grandenses com 16 anos ou mais. A pesquisa foi feita com 1.500 entrevistas residenciais e 1.500 abordagens em avenidas e flagrantes domiciliares. A margem de erro é de 2,5 pontos percentuais para mais ou para menos, em um intervalo de confiança de 95%. Em algumas perguntas, o somatório supera os 100% devido às múltiplas respostas dos entrevistados.⁣

Conforme o levantamento, a Educativa 104.7 FM aparece em nono lugar na preferência do dial em Campo Grande, com 5,03%. Mas, considerando a margem de erro de 2,5 pontos percentuais, sobe para sétimo lugar, ficando logo abaixo das principais emissoras do município.
⁣⁣
Já entre a concorrência especializada, isto é, as rádios do seu segmento, a Educativa 104.7 FM é líder, com 35,7% da preferência dos ouvintes. Ela fica à frente da Uniderp FM 103.7 (30,16%), FM UCDB 91,5 (20,66%) e Educativa UFMS FM 99.9.⁣

O público da Educativa 1014.7 FM é, em maioria, masculino (53,5%, contra 46,5% de mulheres); tem boa formação –em maioria tem o 1º grau completo até o segundo incompleto (41,8%), sendo que 28,76% têm o 2º grau completo até superior incompleto, 8,84% têm Nível Superior e 20,6% o fundamental incompleto–; idade de 35 a 44 anos (30,7%, ante 28,06% de 45 a 59 anos, 18,93% de 25 a 34 anos, 10,83% de 18 a 24 anos, 8,42% com mais de 60 anos e 3,06% entre 16 e 17 anos); e renda de 2 a 5 salários mínimos (29,2%, com 24,16% de 5 a 10 mínimos; 22,36% de um a dois salários mínimos; 18,6% até um mínimo e 5,68% com mais de 10 mínimos).⁣

Perfil⁣

Segundo a pesquisa do Ranking, o rádio tem uma audiência considerável que, durante a semana, concentra-se das 5h às 22h30 –e das 7h30 às 22h30 nos sábados e domingos. O período de maior audiência, com 51,66% dos ouvintes plugados, é das 7h às 12h; seguido da faixa das 12h às 19h (23,13%) e das 19h às 0h (15,6%). Entre os entrevistados, 72,9% disseram ouvir mais o veículo de segunda a sexta-feira, mas 27,23% revelaram o ouvir⁣
todos os dias.⁣

Em média, o rádio é ouvido por uma a duas horas por 38,1% dos entrevistados; por menos de uma hora para 33,16% dos ouvintes; e de duas a quatro horas por 28,7%. Majoritariamente, a audiência prefere ouvir o veículo em casa (63,33%), no carro (36,7%), no trabalho (25,03%), pelo celular (14,5%), pela internet (9,2%) ou via aplicativos (0,66%). A programação musical segue como favorita para 76,33% dos entrevistados, seguida de notícias (15,7%), entrevistas (11,5%) e esportes (4,2%). Entre 15,1% dos entrevistados, não há preferência ou preferiram não responder.



INSTITUTO RANKING PESQUISA

Contato: (67) 9 9968-0055 

E-mail: [email protected]

Fonte: Ranking/Diário MS News

Voltar ao Topo

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Envie sua notícia

(67) 99968-0055

© 2019 Diário MS News. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.
Livre reprodução, transmissão ou redistribuição dos conteúdos sem edição. Pede-se a citação do crédito.

Site desenvolvido por: