Laudo aponta que jovem encontrado morto em rio de MS morreu por afogamento

Autor: Por Flávio Dias

13.08.2019

O resultado do laudo necroscópico sobre as possíveis causas da morte de Wendel Alves da Silva, de 21 anos, que desapareceu no rio Taquari, em Coxim, a 257 km de Campo Grande, revelou que o jovem morreu por afogamento.

Conforme a polícia, o corpo de Wendel encontrado na manhã desta segunda-feira (12), não havia sinais de violência. O jovem desapareceu na última quarta-feira (7), quando saiu para pescar com dois amigos.

De acordo com o delegado Felipe Oliveira Paiva, o médico responsável pelo exame necroscópico informou que no corpo do rapaz não havia marcas de lesão e nem indícios de luta corporal ou de qualquer tipo de defesa.

O delegado ainda reforçou que o boletim de ocorrência que antes foi registrado como desaparecimento de pessoa, agora passa para omissão de socorro, pois os dois homens, de 30 e 35 anos, que acompanhavam Wendel, teriam comunicado as autoridades 24 horas depois do fato.

Em depoimento, os amigos do jovem contaram que Wendel desceu com um deles pelo rio, mas caminhando por um barranco enquanto o outro foi por dentro da água com a rede para tentar capturar peixes. O terceiro colega teria ficado no barco.

O rapaz que estava com Wendel disse que ele teria caído em um poço, pediu por socorro e desapareceu na sequência. Os amigos informaram que ficaram desesperados e com medo de procurar a polícia.

Segundo o Corpo de Bombeiros, o corpo do jovem foi encontrado por pescadores que viram o cadáver e acionaram os militares para fazer a retirada. Wendel foi encontrado nas proximidades de onde havia sido visto pela última vez.

Fonte: G1/MS

Voltar ao Topo

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Envie sua notícia

(67) 99968-0055

© 2019 Diário MS News. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.
Livre reprodução, transmissão ou redistribuição dos conteúdos sem edição. Pede-se a citação do crédito.

Site desenvolvido por: