Expectativa de vida do sul-mato-grossense sobe para 76,1 anos

Autor: GLAUCEA VACCARI

01.12.2019

Expectativa de vida de uma pessoa que nasceu em Mato Grosso do Sul no ano passado é de 76,1 anos, aumento de cinco meses em relação a expectativa do ano anterior, que era de 75,8 anos. Dados são da Tábua Completa de Mortalidade para o Brasil de 2018, divulgado hoje pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

A pesquisa apresenta as expectativas de vida às idades exatas até os 80 anos e são usadas como um dos parâmetros para determinar o fator previdenciário, no cálculo das aposentadorias do Regime Geral de Previdência Social.

Conforme a tábua, mulheres vivem em média 7,1 anos a mais do que homens no Estado, com esperança de vida até os 79,7 anos, enquanto para pessoas do sexo masculino a expectativa é de vida até os 72,6 anos.

Em 2017, pesquisa apontou que homens viviam, em média, até os 72,6 anos e as mulheres 79,5, o que indica que de um ano para outro, ambos tiveram aumento de dois meses na expectativa de vida.

Conforme o IBGE, a mortalidade masculina é sempre superior à feminina. Segundo o Instituto, a maior incidência dos óbitos por causas externas ou não naturais, que incluem os homicídios, suicídios, acidentes de trânsito, afogamentos, quedas acidentais, entre outros,atingem com maior intensidade a população masculina e pode explicar a diferença.

Estado aparece na 10ª colocação entre os estados com maior expectativa de vida do País, mas também fica atrás da média nacional, que é de 76,3 anos.

A probabilidade de um recém-nascido não completar o primeiro ano de vida, também conhecida como a taxa de mortalidade infantil, era de 13,2 óbitos para cada 1 mil habitantes. A taxa caiu ligeiramente em relação ao ano anterior, quando a cada mil habitantes, 13,6 não chegavam a completar um ano.

Considerando a expectativa dos idosos, que são definidas as pessoas com idade a partir de 65 anos, projeção aponta que, quando alcançam esta idade, os sul-mato-grossenses vivem, em média, mais 18,6 anos, chegando até 83,6 anos.

Nesta estimativa, mulheres vivem 4,3 anos a mais do que pessoas do sexo masculino, com expectativa de alcançar até 85,2 anos, enquanto os homens tem expectativa de chegar aos 81,9 anos.

Fonte: Correio do Estado

Voltar ao Topo

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Envie sua notícia

(67) 99968-0055

© 2019 Diário MS News. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.
Livre reprodução, transmissão ou redistribuição dos conteúdos sem edição. Pede-se a citação do crédito.

Site desenvolvido por: