Morre aos 20 anos Cameron Boyce, astro de 'Descendentes' e de 'Gente Grande'

Autor: Revista Monet

07.07.2019

O ator Cameron Boyce, de 20 anos, famoso pela franquia de telefilmes 'Descendentes', da Disney, e pelos filmes 'Gente Grande', em que interpretava o filho do personagem de Adam Sandler, faleceu na noite deste sábado aos 20 anos. Ainda sem muitos detalhes sobre a causa exata da precoce morte do ator,  seus familiares vieram a público mencionando uma "condição médica preexistente". "É com um coração profundamente partido que relatamos que esta manhã perdemos Cameron", disse um porta-voz em nome da família Boyce. “Ele faleceu durante o sono devido a uma convulsão que foi resultado de uma condição médica preexistente pela qual ele estava sendo tratado. O mundo agora está, sem dúvida, sem uma de suas luzes mais brilhantes, mas seu espírito viverá através da bondade e compaixão de todos que o conheceram e amaram”.

Apesar da menção à doença, não havia indícios de que ela estivesse atrapalhado a rotina do ator. De acordo com o The Mirror, Boyce havia se mudado recentemente com amigos para Los Angeles, e o mais recente filme de sua carreira, 'Descententes 3', cinessérie infantojuvenil em que interpretava o filho da clássica vilã Cruela De Vil (de '101 Dálmatas'), Carlos, tem estreia prevista para o mês de agosto. Algumas horas antes de sua morte, Cameron também postou uma imagem em seu Instagram, que agora conta com mais de 1,3 milhão de curtidas e comentários lamentando sua morte.

A estrela infanto-juvenil iniciou suia trajetória de sucesso na série 'Jessie', sendo posteriormente escalado para os filmes de Adam Sandler 'Gente Grande' e 'Gente Grande 2', em que se popularizou junto ao grande público, o que se intensificou ainda mais com seu papel de Carlos De Vil na franquia 'Descendentes'. Em um comunicado um porta-voz da Disney emitiu o pesar da empresa: "Desde pequeno, Cameron Boyce sonhava em compartilhar seus extraordinários talentos artísticos com o mundo. Quando jovem, ele foi alimentado por um forte desejo de fazer a diferença na vida das pessoas através de sua trabalho humanitário. Ele era um artista incrivelmente talentoso, uma pessoa extraordinariamente carinhosa e atenciosa e, acima de tudo, era um filho, irmão, neto e amigo amoroso e dedicado. Nós oferecemos nossas mais profundas condolências à sua família, companheiros de elenco e colegas e se juntam a seus milhões de fãs em luto por sua morte prematura. Ele será muito sentida".

O comunicado lembra do senso humanitário do ator, muito ativo em várias causas de caridade, incluindo a arrecadação de US $ 30.000 para ajudar a construir poços artesianos na Suazilândia, o que lhe valeu o Prêmio Espírito Pioneiro no Thirst Gala.

Fonte: G1

Voltar ao Topo

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Envie sua notícia

(67) 99968-0055

© 2019 Diário MS News. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.
Livre reprodução, transmissão ou redistribuição dos conteúdos sem edição. Pede-se a citação do crédito.

Site desenvolvido por: