Mato Grosso do Sul brilha no Brasileiro de Canoagem Maratona e conquista 16 medalhas

24.11.2020

Mato Grosso do Sul brilhou na 28ª edição do Campeonato Brasileiro de Canoagem Maratona ao conquistar 16 medalhas. As disputas da primeira e única competição nacional da modalidade maratona ocorreram nas águas do Rio Paraguai, em Corumbá (MS), no último final de semana, dias 21 e 22 de novembro. O evento teve como principal fomentador o Governo do Estado de Mato Grosso do Sul, por meio da Fundação de Desporto e Lazer (Fundesporte), seguindo protocolos de biossegurança em razão da pandemia de Covid-19.

A delegação sul-mato-grossense foi composta por canoístas da Associação Luso Brasileira – Clube Estoril, de Campo Grande, e do Clube de Canoagem de Aquidauana (CCA). Das 16 condecorações obtidas, três foram de ouro, seis de prata e sete de bronze. De acordo com a Federação de Canoagem de Mato Grosso do Sul (FCaMS), organizadora do evento com supervisão da Confederação Brasileira de Canoagem (CBCa), participaram 83 atletas de Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Distrito Federal, Rio de Janeiro, Bahia, Paraná e Rio Grande do Sul.

As disputas ocorreram em percursos de cinco, 10 e 20 quilômetros, em 31 provas, nas categorias infantil, menor, cadete, júnior, sênior, master (A, B, C e D) e open, e na canoagem adaptada/paralímpica nas categorias L1, L2, L3 e open. Os tipos de embarcação foram caiaque (classes K1 escola, K1/K2 e K1 (embarcação até 4,5 metros) e canoa (C1 - individual/C2 - dupla). Já na paracanoagem, caiaques foram remados nas classes K1 (individual), V1 e turismo.

O diretor-presidente da Fundesporte, Marcelo Ferreira Miranda, afirma que Mato Grosso do Sul se sobressai na organização de eventos esportivos seguros em meio à pandemia. “Com protocolos rígidos de biossegurança, mostramos que é possível realizar competições. Mato Grosso do Sul é referência no combate e controle da Covid-19, e vem sendo modelo também na organização de eventos esportivos que seguem à risca as medidas sanitárias. O Brasileiro de Canoagem Maratona foi mais um em que todos os participantes saíram satisfeitos e se sentiram seguros”.

O gerente da Unidade de Esportes de Participação e Lazer (Uepla) da Fundesporte, Rodrigo Barbosa de Miranda, valoriza o cenário pantaneiro na primeira e única competição de canoagem maratona do ano. “Nada melhor do que ter a riqueza da fauna e flora do Pantanal sul-mato-grossense como cenário para uma competição, ainda mais em 2020, um ano tão complicado, de incertezas. É um evento para ficar registrado na memória de todos que tiveram a oportunidade de estar em Corumbá”.

Um dos destaques da competição foi Edgar Silva Balbuena, atleta integrante do programa Bolsa Atleta, concedido pelo Governo do Estado, via Fundesporte. O bolsista terminou na terceira colocação da prova K1 20 km masculino sênior, uma das mais esperadas e difíceis do Brasileiro. O sul-mato-grossense dividiu pódio com dois atletas olímpicos: Roberto Maehler e o cubano, agora naturalizado brasileiro, Jorge García, segundo e primeiro colocados, respectivamente. Ambos estiveram nas Olimpíadas de 2016, no Rio de Janeiro (RJ), brigam por vaga em Tóquio-2021, mas não intimidaram Balbuena.

“É muito bom poder voltar a competir, ainda mais remando ao lado de dois atletas olímpicos. Fiquei em terceiro e subi no pódio com eles com muita honra. A presença deles não me amedrontou, treinei bastante para remar os 20 quilômetros, dei meu máximo na prova e o resultado veio, estou muito feliz”, conta Balbuena, apelidado de "Massa" pelos colegas da canoagem.

Para ele, o Bolsa Atleta é um incentivo a mais para continuar conquistando medalhas em competições nacionais e até internacionais de canoagem. “O Bolsa Atleta é muito importante para nós atletas. Se não tivesse esse auxílio, eu não teria todo esse desempenho na maratona, também em outras competições, como na modalidade descida. Posso dizer que mudou minha vida como atleta”.

Confira abaixo a lista com todos os medalhistas sul-mato-grossenses no 28º Campeonato Brasileiro de Canoagem Maratona.

OURO (3 medalhas)

- Pedro Henrique Moura Ávila (CCA) na prova K1 (embarcação até 4,5m) 20 km livre. Tempo: 2hs16min25s.

- Roberto Giovani (CCA) na prova VL1 5 km masculino sênior (abaixo de 2001). Tempo: 37min58s.

- Luis Felipe Martins (CCA) na prova K1 5 km masculino turismo livre. Tempo: 35min27s.

PRATA (6 medalhas)

- Orlando Inacio (CCA) na prova K1 20 km masculino máster D (nascidos entre 1966 e 1970). Tempo: 2hs59min35s.

- Guilherme Marcos (CCA) na prova K1 10 km masculino cadete (nascidos entre 2004 e 2005). Tempo: 58min41s.

- Barbara Marinho Azevedo (Estoril) na prova K1 20 km feminino sênior (abaixo de 2001). Tempo: 2hs27min46s.

- Wilsom Hiroshi (CCA) na prova K1 20 km masculino máster E (abaixo de 1965). Tempo: 2hs29min59s.

- Edgar Balbuena (MS)/Luis Bezerra (DF) na prova mista K2 20 km masculino sênior (abaixo de 2001). Tempo: 1h23min38s.

- Natanael Espinosa Silva (CCA) na prova K1 5 km masculino turismo livre. Tempo: 38min57s.

BRONZE (7 medalhas)

- Roberto Carlos Girotto (CCA) na prova K1 20 km masculino máster E. Tempo: 2hs36min11s.

- Wanderlei da Silva dos Santos (CCA) na prova K1 20 km masculino máster B (nascidos entre 1976 e 1980). Tempo: 2hs07min30s.

- Roberto Giovani (CCA) na prova KL1 10 km paracanoagem masculino sênior (abaixo de 2001). Tempo: 1h13min08s.

- Edgar Silva Balbuena (CCA) na prova K1 20 km masculino sênior (abaixo de 2001). Tempo: 1h49min38s271.

- Euripedes Luis da Silva Filho (CCA) na prova K1 (embarcação até 4,5m) 20 km livre. Tempo: 2hs19min13s.

- Patrick Pisoni (Estoril) na prova KL3 10 km paracanoagem masculino sênior (abaixo de 2001). Tempo: 1h04min00s.

- Allan Hassan (CCA) na prova K1 5 km masculino turismo livre. Tempo: 42min14s.

Todos os resultados podem ser conferidos no link a seguir: Resultados – Brasileiro de Canoagem Maratona 2020

Veja também a galeria de fotos do evento: Galeria de fotos - Brasileiro de Canoagem Maratona 2020

O 28º Campeonato Brasileiro de Canoagem Maratona foi realizado pela Federação de Canoagem de Mato Grosso do Sul (FCaMS), com supervisão da Confederação Brasileira de Canoagem (CBCa), em parceria com a Prefeitura Municipal de Corumbá, por meio da Fundação de Esportes (Funec). O Governo do Estado de Mato Grosso do Sul, via Fundesporte, foi o principal apoiador do evento.

Fonte: Portal MS

Voltar ao Topo

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Envie sua notícia

(67) 99968-0055

© 2019 Diário MS News. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.
Livre reprodução, transmissão ou redistribuição dos conteúdos sem edição. Pede-se a citação do crédito.

Site desenvolvido por: