Dia dos Namorados: quando o amor também trabalha com você

Na CCR MSVia, os laços românticos equilibram a vida pessoal com a profissional
 Belitas/iStock

Compartilhar o ambiente de trabalho com outras pessoas é uma tarefa desafiadora por si só, seja ao dividir a mesma sala, seja ao dividir a mesma empresa. Amor e trabalho parecem ser coisas opostas, ainda mais quando convívio diário pode causar atritos nas relações. No entanto, com profissionalismo e maturidade, é possível fazer o caminho inverso e unir o “útil ao agradável” na arte da convivência.

Quando o assunto é o coração de seus funcionários, tendo em vista a melhora na produção e do ambiente no trabalho, a CCR MSVia é uma dessas empresas que não têm receio de tentar o novo e se adaptar às novas situações. Em comemoração ao Dia dos Namorados, separamos três histórias de casais que trabalham juntos na empresa e que demonstram algo em comum: para o amor, nada é obstáculo.

Célia e Ademir

Sorte no trabalho e no amor. Celia Regina e Ademir Pereira se conheceu dentro da CCR há 16 anos, sendo ela Líder de Pedágio e ele Agente de Monitoramento SOS Mecânico Base Operacional de Carambeí, na CCR Rodonorte, no Paraná. “Eu havia acabado de ser transferida do Pedágio de Witmarsum, em 2005, onde trabalhei por 7 anos. Ali, ganhei uma promoção no trabalho e um amor para a vida”, relata Célia.

Mas o namoro ficou firme, mesmo, em 2006, ano em que ocorreu a implantação do pedágio automático da Rodonorte. No mesmo ano, foi implantada a Central de Controle de Arrecadação, onde Célia ficou por mais 8 anos. Enquanto isso, nesse mesmo período, Ademir foi aprovado em uma seleção para a vaga de Supervisão de Tráfego.

Com o crescimento profissional, surgiu a necessidade de adquirir novos conhecimentos. Por isso, em 2008, começaram juntos a cursar a Faculdade de Administração. Os dois se formaram em 2012 e, no final de 2013, a CCR ganhou a concessão da MSVia. Em março de 2014, veio o inesperado convite para uma transferência. Ávidos por novas vivências, Célia e Ademir toparam encarar essa mudança e trocaram o frio do Paraná pelo calor de Mato Grosso do Sul. “Eu vim primeiro, em Julho daquele ano, e Célia, em Setembro. Novas culturas, novos cargos, amigos, equipes, atribuições e a responsabilidade de operar 9 Praças de Pedágio e 17 Bases Operacionais”, lembra Ademir.

E nos momentos mais delicados, a união do casal se fortaleceu ainda mais. Em 2018, Célia precisou realizar um tratamento de saúde no Paraná, tendo que se afastar da empresa. Não só seu companheiro foi junto como também se afastou do trabalho para enfrentar os desafios com ela. “Mais uma vez a CCR nos apoiou em nossa decisão, mas com o compromisso de que, após o período que fosse necessário, nós retornaríamos à empresa. Isso mostra o quanto trabalhamos em uma empresa séria e que cuida dos seus colaboradores”.

Conciliando a vida pessoal e profissional, Célia e Ademir trabalham, atualmente, no mesmo setor. “Nossa separação dos assuntos pessoais e profissionais é tão séria que, esses dias, o Ademir me ligou no celular corporativo e chamou minha atenção sobre um assunto da empresa e, logo depois, precisou resolver um assunto pessoal e mandou uma mensagem bem carinhosa no meu celular pessoal”, conta Célia, aos risos.

Célia e Ademir procuram manter o respeito e o autoconhecimento de suas limitações. “O segredo é a conversa. Conversamos muito sobre nosso futuro, sobre onde queremos estar daqui alguns anos, o que queremos fazer. E sabemos que podemos contar com a família CCR”, finaliza Célia. 

Raine e Leonardo

Raine Ferreira Stopassoli e Leonardo Henrique Ferreira Fernandes se conheceram em 2014 na cidade de Rio Verde do Mato Grosso. Mas a história com a CCR MSVia começa em 2016. Leonardo conta que iniciou a sua trajetória na empresa dentro da área da arrecadação na Praça de Pedágio de Rio Verde e, no final de 2016, Raine teve a oportunidade de entrar para o time CCR. Assim, trabalharam juntos no mesmo setor até o início de 2018.

De 2018 até os dias atuais, o casal se separou somente nos cargos. Ele, agente de engenharia e ela, líder de arrecadação, já passaram por três cidades diferentes: Rio Verde de MT, Mundo Novo e Naviraí, sempre recebendo oportunidades de irem juntos para onde quer que fossem.

“Desde o início da nossa trajetória no trabalho, a empresa sempre foi atenciosa e nos apoiou em várias situações, principalmente com questões de escalas e mudança de cidades”, diz a líder. Sobre o convívio, ambos relatam que conciliam vida pessoal e de trabalho. Tudo é feito com bastante diálogo. “Procuramos nos colocar um no lugar do outro em cada situação, principalmente logo após os expedientes às vezes estressantes e cansativos, pois em qualquer relacionamento deve haver uma cooperação mútua”, finaliza Raine.

Kelly e Silvio

Kely Demarchi Lima e Silvio Sabino se conhecem há 11 anos. Ela ingressou na empresa em 2015 e ele em 2018. “Entrei em 2015 sendo Agente de Arrecadação e, em 2019, foi proposto um novo desafio, ser Líder de Arrecadação. Silvio entrou em 2018 como Agente de Atendimento e Monitoramento. A cada dia são novos desafios e temos a satisfação de realizar um atendimento de qualidade”.

Eles iniciaram o trabalho na equipe já como um casal e nunca encontraram problemas no ambiente do trabalho. “Nos cobramos mais por termos liberdade um com o outro. Por mais que, às vezes, seja difícil separar. Somos muito racionais, sabemos conciliar a vida pessoal com a profissional. Em casa, evitamos falar de assuntos relacionados ao trabalho. Mas mesmo assim, continuamos sendo melhores amigos”, relata Kelly.

Por mais que um possa estar mais irritado ou cansado do que o outro dentro da jornada de trabalho, o importante é parar, observar e contornar a situação: “acreditamos que o maior desafio é entender o momento, as dificuldades, os desafios e as necessidades um do outro, sendo profissional. E não deixar o lado pessoal entrar em cena”, diz Silvio. E dessa maneira, no amor e no trabalho, o casal segue a vida, saboreando as conquistas e vencendo os desafios que surgem a cada dia.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp

Leia Também