Cursos nos segmentos apícola, lácteo e de pescado fomentam atividade da porteira para fora

Senar/MS oferece capacitações gratuitas voltadas à boas práticas na produção de alimentos.

A excelência da atividade agropecuária da porteira para dentro se destaca pela qualidade e sustentabilidade. Agora, o foco do Senar Mato Grosso do Sul é fomentar a comercialização da porteira para fora. A sanidade e a segurança estão na programação dos cursos de boas práticas para serviços de alimentação nas áreas apícola, lácteos e pescados.  Este é o tema da editoria #EducaçãonoCampo desta quarta-feira (21). 

Este novo segmento veio para atender produtores que já agregavam valor aos seus produtos, como queijo, manteiga, requeijão, envase do mel, favo, pólen, embutidos, e querem ampliar o alcance. Com foco nesse público, o Senar/MS oferece capacitações voltadas para os serviços de alimentação com o objetivo de certificar produtores dentro dos padrões sanitários exigidos pelos órgãos fiscalizadores. 

No curso, os alunos aprendem sobre classificação de alimentos, cuidados específicos para cada segmento, estrutura e processos para evitar contaminações na produção, beneficiamento e distribuição. “O curso cumpre programação prevista na resolução da Anvisa que aborda todas as práticas de produção de alimentos seguros no ponto de vista sanitário, considerando as especificidades voltadas para cada cadeia, requisitos para expedição da licença sanitária ou selo de inspeção”, explica a instrutora do Senar/MS, Ana Carla da Silva. 

O curso tem duração de 16 horas e, assim como o Negócio Certo Rural, é obrigatório para dar início no atendimento oferecido no programa de Assistência Técnica e Gerencial em Agroindústria. 

Em maio, tem agenda confirmada para o curso do segmento lácteo no município de Aquidauana. Já em Bela Vista haverá capacitação na área de apicultura/meliponicultora. Os interessados podem procurar pelas unidades sindicais dos seus municípios. 

Na editoria #MercadoAgropecuário, você fica por dentro da iniciativa desenvolvida pelo Senar/MS.

Fonte: Assessoria de Comunicação do Sistema Famasul – Ellen Albuquerque

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp

Leia Também