Barbosinha sugere projeto ao TJ e fala de vacinação de acadêmicos em Dourados

Luciana Nassar

O deputado estadual Barbosinha (DEM) falou, durante a sessão ordinária desta terça-feira (4), sobre visita feita ao Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul (TJ-MS). Na ocasião, o parlamentar fez sugestão ao Poder Judiciário para envio de projeto de lei que estimule regularização de imóveis no Estado.

“Minha visita ao TJ foi para falar sobre as taxas cartorárias. Apresentamos sugestão de projeto para um programa que estimule a escrituração de áreas. Muitos imóveis são escriturados, mas não são levados a registro, outros ficam na gaveta pelas altas taxas cartorárias. Pedimos o estímulo para formalizar o imóvel, pois muitas pessoas têm a posse, mas não têm o domínio”, explicou Barbosinha.

Vacinação de acadêmicos

O parlamentar também falou sobre o plano de imunização contra a Covid-19 na cidade de Dourados. Barbosinha cobrou a inclusão dos acadêmicos dos cursos da área da Saúde no grupo prioritário. “Em Campo Grande, esses acadêmicos que têm atividades práticas foram imunizados e na UFGD ainda não e não tem cronograma de quando serão vacinados”, disse.

Para ele a situação é preocupante, pois sem a imunização vários acadêmicos são impedidos de realizarem as atividades práticas no Hospital Universitário. “Temos que acelerar a formação desses acadêmicos. Eles já estão com o semestre atrasado e estão sendo privados da prática da medicina porque estão impedidos de adentrar ao hospital”, alertou.

Barbosinha pediu consideração para o problema. “Tem que ter vacinação, sob pena de acionamento do Ministério Público. É fundamental que essa fato ganhe eco por meio da Assembleia Legislativa”, afirmou.

Em aparte, o deputado Professor Rinaldo (PSDB) reforçou a importância do tema levantado por Barbosinha. “Minha filha faz medicina. Esse pessoal passou a ter direito à vacinação por esses dias. Quem está dentro de hospital tem vulnerabilidade muito grande, independente se acadêmico ou se profissional formado”, defendeu. O deputado Lidio Lopes (PATRI) também endossou a importância da inclusão dos acadêmicos no plano de imunização.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp

Leia Também