Restituição Solidária é alternativa para quem quer fazer o bem e esperança para quem precisa

Direcionar o valor da restituição do Imposto de Renda é uma forma de contribuir com o trabalho do Instituto Maná do Céu

Quando a ordem é ficar em casa, a solidariedade precisa encontrar maneiras para chegar a quem precisa. A Receita Federal é um dos caminhos, já que, por meio da Restituição Solidária, os contribuintes que fizerem a Declaração do Imposto de Renda 2021, até dia 30 de abril, têm a opção de destinar parte do tributo para uma instituição que atue na defesa e promoção dos direitos da criança e do adolescente.

Em Campo Grande, o Instituto Maná do Céu para os povos já conta com esse apoio para dar andamento aos projetos, que hoje atendem a 124 crianças e suas famílias, em atividades no contra turno escolar. Musicalização, dança e integração social são o carro-chefe da Organização da Sociedade Civil – OSC, que também é garantia de comida no prato para a maioria das crianças atendidas, que vivem no bairro Jardim Canguru e região.

Crianças e adolescentes em situação de vulnerabilidade extrema. Esse é o perfil da maioria dos usuários do Instituto, que há mais de 10 anos faz frente à defesa de direitos e acesso à educação, cultura e alimentação aos seus assistidos. Trabalho que vem ganhando força com a adesão à projetos como o Vozes da Periferia, coral que conta com mais de 40 crianças, que encontraram na música um novo sentido para viver em meio as desigualdades sociais. Clique aqui para fazer a sua doação e, também, conhecer todos os projetos que poderão ser apoiados com a Restituição Solidária.

O atendimento aos usuários e também às 500 famílias do entorno do Instituto tem sido bastante prejudicado diante do cenário de pandemia e restrições de funcionamento, comprometendo ainda mais a qualidade de vida na região. Por isso, a presidente do Instituto, Carla Rodrigues, faz um apelo aos contribuintes de Mato Grosso do Sul:

“Entendemos que o momento requer cuidados e ficar em casa é a única forma que temos para contribuir com o sistema de saúde, mas essas famílias ficam em casa sem ter acesso à alimentação e moradia. Toda e qualquer doação, nos ajuda a garantir dignidade à essas pessoas. Mesmo quando não temos o atendimento presencial nos projetos, estamos presentes com as atividades que eles realizam em casa (monitoradas pela nossa equipe) e com a alimentação que é retirada aqui no Instituto”, reforça.

Como funciona a Restituição Solidária

As doações podem ser feitas diretamente na plataforma da Receita Federal, com a escolha do nome e CNPJ da instituição e o valor, que pode ser de até 3% do valor devido, com isso, os contribuintes que optarem pela doação terão redução no valor do imposto a pagar ou aumento no valor da restituição, sem contar que evita que todo o valor do seu imposto devido vá para os cofres do Tesouro Nacional, em Brasília. A parcela destinada permanece na região e é aplicada em projetos que mudam vidas, como os do Instituto Maná do Céu.

Quem se adiantou e já enviou a Declaração do Imposto de Renda 2021 pode retificar a Declaração de Ajuste Anual e incluir a doação no processo, sem custo algum.

O passo a passo para realizar a Restituição Solidária está no site da Receita Federal: http://receita.economia.gov.br/videos/educacao-fiscal/campanha-destinacao
O CNPJ e demais informações sobre o Instituto Maná do Céu para os Povos podem ser obtidas no site: http://manadoceu.org.br/ e nos canais da instituição no Facebook e no Instagram.

Informações para a imprensa

Para mais informações sobre os projetos realizados e famílias assistidas pelo Instituto Maná do Céu ou pautas relacionadas, falar com Thay Barboza | Head de Relacionamento e Influência da Rise Marketing: (67) 98428-4164.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp

Leia Também