Novembro Azul: Câncer de próstata é tema de palestra no Conviver em Nova Andradina

No Brasil, o câncer de próstata é o segundo mais comum entre os homens, depois do de pele não-melanoma, conforme o Instituto Nacional do Câncer (Inca). Para conscientizar os homens sobre este quadro, na terça-feira (19), a Secretaria Municipal de Saúde promoveu uma palestra acerca deste tema, com o vereador e médico urologista, Sandro Hoici. A iniciativa integra a campanha Novembro Azul, desenvolvida pelo governo municipal.

O que é a próstata, fatores de risco, diagnóstico e tratamento do câncer de próstata – considerado um câncer da terceira idade, já que possui maior prevalência em homens a partir de 65 anos – foram assuntos abordados na palestra realizada no Centro de Convivência do Idoso “Aparecida Mourão”, o Conviver, justamente para atender o público alvo.

Dr. Sandro apontou a importância do autocuidado como aliados da saúde do homem. “A maioria dos homens não ter o costume de cuidar da própria saúde nem adotando hábitos saudáveis de vida nem realizando consultas e exames para a prevenção de doenças. Essa situação precisa mudar”.

A realização dos exames preventivos para o diagnóstico precoce do câncer de próstata é fundamental para a cura da doença. O diagnóstico tardio leva a tratamentos dolorosos e quando detectada precocemente a doenças tem um índice de cura em torno de 90%.

Na fase inicial, o câncer de próstata não costuma apresentar sintomas. Já na fase avançada, pode provocar dor óssea, sintomas urinários, infecção generalizada ou insuficiência renal. O tratamento para a doença localizada pode incluir cirurgia, radioterapia ou tratamento hormonal. A escolha do tratamento adequado deve ser definida de forma individualizada e com médico especialista.

Homem dê um presente para você. Faça exames de rotina anualmente. Pessoas acima de 50 anos acrescente seu preventivo de próstata.  

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp

Leia Também