Há 5 anos, Living Lab fomenta inovação em MS

Mais de 1,5 milhões de pessoas foram impactadas com ações de laboratório neste período

Nesta quinta-feira, 03 de junho, o Living Lab – Laboratório de Inovação iniciado pelo Sebrae/MS em parceria com instituições públicas e privadas comemora cinco anos de existência fomentando a inovação em Mato Grosso do Sul. Para marcar a data, a sede do local, localizada em Campo Grande, irá receber um grafite, feito pelo artista Rafael Mareco.

Nos últimos cinco anos, mais de 1,5 milhões de pessoas foram impactadas com ações do Living Lab. O espaço é considerado pioneiro no Estado, já que, desde a sua inauguração em 03 de Junho de 2016, o laboratório buscou falar sobre empreendedorismo de uma forma “disruptiva”. Além disso, o Lab apoiou o surgimento de outras oportunidades de negócios em MS, como as startups voltadas ao agronegócio, o mercado de games, negócios de impacto social, dentre outros.

“O Living é um agente ativo no fomento à inovação em Mato Grosso do Sul, consolidando nosso Estado no ecossistema de inovação nacional e até internacional, além de acelerar negócios, levando as empresas rumo ao futuro. O laboratório tem a expertise, competências e rede de parceiros necessárias para os novos desafios da economia global. Nosso propósito é continuar fortalecendo o ecossistema de inovação com uma comunidade engajada”, afirma o diretor de operações do Sebrae/MS, Tito Estanqueiro.

Para promover a inovação em MS, o Living Lab também lança programas e iniciativas próprias, como o Oraculli – um aplicativo que oferece mentorias virtuais sobre negócios com empresários experientes; o HUB Sebrae – ferramenta que conecta empresas a soluções inovadoras; e o mais recente, o programa InFront, que visa ampliar o acesso à inovação aberta nas médias e grandes empresas.

Ao longo destes últimos cinco anos, 23,3 mil pessoas participaram das atividades do Living Lab MS. Neste período, foram realizados 11 Startups Weekends, 7 Hackathons, 7 Living Lab Day, 6 Startup Day, entre outros eventos. Além disso, o Laboratório realizou 542 atendimentos – agrupando palestras, talks e workshops; e acompanhou cerca de 700 startups.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp

Leia Também