Entenda como será a distribuição do 12º lote de vacinas contra a Covid-19 em Batayporã

Batayporã recebeu mais 213 doses de vacinas contra a Covid-19 durante a noite da última quinta-feira (8) – 113 doses de CoronaVac e outras 100 de AstraZeneca. Este é o 12º lote encaminhado pela Secretaria de Estado de Saúde de Mato Grosso do Sul (SES-MS). O quantitativo foi administrado para garantir a imunização com segunda dose (D2) em grupos que iniciaram a vacinação anteriormente e também para atender idosos de 60 anos moradores da zona rural, que são o público-alvo dessa remessa.

“Esse lote teve uma queda no quantitativo em comparação ao 11º, um reflexo sentido em todos os municípios, pois o País registrou uma queda na produção de vacinas recentemente. Então, nós fizemos todo este trabalho de remanejamento, dentro do que é correto e permitido sem deixar de atender os critérios da SES”, explicou

As 113 doses do imunizante CoronaVac são destinadas para D2 referentes às pessoas vacinadas com o 8º lote, todavia, há necessidade de mais pessoas receberem a segunda dose. Nesse contexto, a distribuição dos imunizantes foi reorganizada.

Serão somadas à imunização de profissionais de Saúde que já receberam a primeira dose há 12 semanas, 25 doses do imunizante AstraZeneca. Outras sete doses vão para os profissionais de Segurança Pública e 68 doses serão utilizadas para vacinar idosos de 60 anos moradores da zona rural.

Há ainda o pedido de liberação de cinco vacinas enviadas para imunização de população ribeirinha, que não é presente em Batayporã. “Essas doses são um adicional feito pela SES e, como não temos esse perfil populacional, já requeremos a liberação para acrescentá-las à nossa campanha”, complementou Letícia.

A Secretaria também irá cobrir o público que ficou de fora da cobertura vacinal por situações adversas, como ausência do município nos dias de vacinação, apresentação de sintomas gripais ou atualização posterior no sistema cadastral.

Monitoramento de D2

Atualmente, Batayporã desponta entre os melhores índices percentuais de aplicação de D2 sobre doses recebidas – 104, 60% conforme atualização do Vacinômetro da SES nesta sexta-feira (9).

A enfermeira responsável pela imunização em Batayporã, Ângela Rocha, esclarece que há 29 pessoas que receberam a primeira dose de vacina no último dia 19 de março e aguardam a D2.

“A janela para aplicação da D2 é de 14 a 28 dias após a primeira dose. Como recebemos poucas vacinas nesta remessa, essas pessoas serão vacinadas semana que vem, logo que recebermos o próximo lote. Nosso planejamento tem sido cada dia mais cuidadoso para garantir a eficácia da cobertura”, ressaltou a enfermeira.

Fonte: Ana Carla Barbosa

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp

Leia Também