Doação de Sangue e Medula Óssea é tema do programa Vida Saudável da Rádio ALEMS

Wagner Guimarães

Um assunto que muitas das vezes é deixado de lado, mas pode ser fundamental para salvar vidas é a Doação de Sangue e de Medula Óssea. Em meio à pandemia do coronavírus, é importante lembrar que a demanda nos hospitais públicos e privados de Mato Grosso do Sul continua. E o Hemosul precisa de doadores com urgência para continuar salvando vidas. Sobre esse tema o programa Vida Saudável da Rádio ALEMS, que vai ao ar nesta segunda-feira (26), conta com a participação da coordenadora-geral da Rede Hemosul do Estado, Marli Vavas.

Para garantir a segurança dos doadores, segundo a coordenadora-geral, o Hemosul redobrou os cuidados e segue todos os protocolos determinados pelo Ministério da Saúde. Assim que chega à unidade, o doador recebe orientação para usar o álcool em gel disponível na recepção. Além da higienização frequente de canetas, pranchetas, balcão e cadeiras após o uso. Outra medida é o agendamento da doação, que amplia a prevenção de contágio da Covid-19 nos ambientes da unidade.

“Vale destacar que o Hemosul atende unidades hospitalares de todo Estado, portanto é necessário manter um nível estratégico de bolsas para casos de urgência e emergência. As doações periódicas são fundamentais para a manutenção dos estoques que salvam vidas. As plaquetas por exemplo, auxiliam no controle de sangramentos e são usadas em tratamentos contra o câncer e também em paciente que tiveram o coronavírus. Já as hemácias, que nos últimos meses entraram em estado de emergência por diversas vezes no Estado, são usadas quando um paciente apresenta anemia”, destacou Marli Vavas.

A coordenadora-geral explica que os doadores que tiveram Covid devem obedecer algumas regras para poder voltar a doar: quem teve covid confirmado, 30 dias após a cura e alta médica; se teve contato com caso confirmado, só após 14 dias; casos de internação só mediante triagem clínica.

O Hemosul reforça que aos sábados não há necessidade de programar a coleta, basta comparecer a unidade tendo em mãos documento oficial com foto, estar bem alimentado e bem de saúde, ter mais de 55 quilos, ter idade entre 16 e 69 anos, menores de idade precisam estar acompanhados do responsável legal.

Para acessar e ouvir o Programa Vida Saudável, clique aqui.

Serviço

Em Campo Grande a unidade do Hemosul fica localizado na Avenida Fernando Corrêa da Costa, 1.304. O atendimento é de segunda a sexta-feira das 7h às 17h, e aos sábados de 7h às 12h. Também é possível doar nas unidades do Hemosul de Dourados, Três Lagoas, Ponta Porã, Paranaíba e Coxim. Critérios para a doação de sangue em Mato Grosso do Sul podem ser conferidos no site do Hemosul, www.hemosul.ms.gov.br.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp

Leia Também