Peças de ultraleve que caiu em chácara são levadas para análise na Capital

10.09.2019

As peças do ultraleve que caiu no final da tarde de domingo (8/9) em Ivinhema deixando três pessoas mortas, foram encaminhadas pela Deco (Delegacia Especializada em Combate ao Crime Organizado), em Campo Grande, para análise. A aeronave era pilotada pelo vereador e ex-delegado, Messias Furtado, que não resistiu aos ferimentos e morreu ontem (9/9). 

Além dele, os irmãos Guilherme dos Santos, 12, e Igor Davi, 5, também morreram. 

O óbito do mais velho ocorreu na madrugada desta terça-feira (10/9), enquanto o da criança ocorreu no local do acidente. 

Em entrevista ao site Ivi Notícias, a delegada da Deco, Ana Claudia Medina, disse que os policiais realizaram a vistoria na região e separaram os objetos que serão analisados em perícia. 

“Nossa equipe chegou pela manhã e fizemos as ações iniciais. Realizamos a separação das peças e entendemos a dinâmica do local [onde ocorreu o fato]. Algumas peças dessa aeronave estão sendo levadas para Campo Grande para fazermos o uso de ferramentas específicas nos dando respostas sobre o que aconteceu nessa tragédia”, relatou ao site. 

O acidente ocorreu no final da tarde de domingo (8/9) em uma chácara localizada nas proximidades da MS-141, em Ivinhema. 

O vereador ao lado das crianças sobrevoava a região quando o ultraleve caiu. Igor morreu no local, enquanto Messias e Guilherme foram levados ao hospital da cidade e logo em seguida transferidos à Santa Casa de Campo Grande com queimaduras em cerca de 80% do corpo. 

Na manhã de segunda-feira, horas após o acidente, o parlamentar não resistiu aos ferimentos. Já o adolescente teve o óbito constatado nesta madrugada. 

Fonte: Dourados News

Voltar ao Topo

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Envie sua notícia

(67) 99968-0055

© 2019 Diário MS News. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.
Livre reprodução, transmissão ou redistribuição dos conteúdos sem edição. Pede-se a citação do crédito.

Site desenvolvido por: