Novo toque de recolher na Capital começa nesta sexta e segue até 11 de dezembro

26.11.2020

Começa a valer a partir das zero hora de sexta-feira (27) o novo toque de recolher para Campo Grande, após ter sido suspenso no dia 15 de outubro. A decisão foi tomada após reunião com representantes do comércio e da Secretaria de Saúde, por conta do aumento do contágio do Coronavirus na Capital.

O decreto foi publicado no Diário Oficial do Município (Diogrande) de ontem (25) e a restrição de circulação vai das 0h às 5h até o dia 11 de dezembro. O texto destaca que fica “terminantemente proibida a circulação de pessoas, exceto quando necessária para acesso aos serviços essenciais e sua prestação, comprovando-se a necessidade ou urgência”.

A fiscalização ficará por conta da Semadur, Vigilância Sanitária e Guarda Civil Metropolitana.

O documento não se aplica aos serviços essenciais como os postos de combustíveis, farmácias e demais serviços de saúde, segurança e assistência funerária, que podem funcionar em horário estabelecido no alvará de localização e funcionamento respectivo, bem como aos setores da agropecuária, indústria e de coleta de resíduos, aos serviços de delivery e as ações destinadas ao enfrentamento da Covid-19.

Decisão

A decisão do retorno do toque de recolher na cidade se deu após reunião com representantes da Secretaria de Saúde, Associação Comercial e Industrial (Acidg), Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL), Associação Brasileira de Bares e Restaurantes (Abrasel) e Sebrae/MS.

“Estamos tomando medidas técnicas, estudadas diariamente pela nossa equipe, com base no número de pessoas infectadas e a capacidade que temos de leitos para atender estes pacientes. É importante também a conscientização da população, que precisa manter os cuidados, usando máscara, álcool e gel e garantindo o distanciamento mínimo necessário. São medidas simples, mas eficazes para preservar a saúde da nossa população e a economia da cidade”, declarou o prefeito Marquinhos Trad.

Nos últimos dias, a equipe técnica da Secretaria de Saúde observou um aumento expressivo da contaminação de pacientes mais jovens, entre 20 e 39 anos. “Hoje, de cada 100 testes, 30% dão positivo. Este percentual, até alguns dias atrás, era de 23% a 25%. Nossa preocupação é que daqui a pouco estes jovens passem a contaminar avós, pais, tios, de 60 anos ou mais, criando a necessidade de mais leitos e até o aumento da letalidade”, explicou o secretário de Saúde, José Mauro.

Ele ressalta que a Secretaria de Saúde está analisando os números diariamente e, prevendo necessidade de aumento da oferta de UTI, já está preparando para as próximas semanas a efetivação de novos leitos para atendimento de pacientes com Covid-19.

Levando em consideração que não houve aumento da média móvel de mortalidade, apesar de aumento da positividade dos testes – refletindo principalmente entre jovens, o horário do comércio não será alterado. Por enquanto, também não haverá alteração no sistema do transporte público coletivo, sendo mantido o uso obrigatório de máscara.

Prefeitura oferece testes gratuitos

Desde o mês de julho, todas as unidades de saúde da Capital contam com o teste rápido, que é realizado com uma gota de sangue a partir do 8° dia de sintoma. “Se tiver coriza, febre alta, dor de garganta ou qualquer outro sintoma gripal, o paciente pode procurar a unidade de saúde, onde passará por consulta e realizará o teste, que tem o resultado em até 20 minutos”, explica o secretário municipal de saúde, José Mauro Filho. 

Para a realização desse exame, não é necessário nenhum agendamento, sendo feito assim que o profissional de saúde avaliar o paciente e considerá-lo como suspeito de infecção pela Covid-19. 

Considerado padrão ouro no diagnóstico da doença, o exame de RT-PCR também está disponível para os pacientes da rede, sendo realizado em doze unidades de saúde, mediante agendamento. Para a realização do exame, é necessário que o paciente vá até um dos locais onde a coleta é feita, e, assim, terá horário marcado para o dia seguinte. 

O RT-PCR é realizado nas Unidades de Saúde da Família (USFs) Batistão, Parque do Sol, 26 de Agosto, Tiradentes, Dona Neta, Moreninha, Vila Nasser, Oliveira, Nova Bahia, São Francisco, Aero Itália e Albino Coimbra. Todos os exames são feitos de segunda a sexta-feira. 

Fonte: Enfoque MS

Voltar ao Topo

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Envie sua notícia

(67) 99968-0055

© 2019 Diário MS News. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.
Livre reprodução, transmissão ou redistribuição dos conteúdos sem edição. Pede-se a citação do crédito.

Site desenvolvido por: