Aplicativos transportam mais de 20 mil passageiros por dia em Campo Grande

13.05.2019

A utilização de transportes por meio de aplicativos em Campo Grande já não é novidade. Além do conforto e da praticidade, os valores acessíveis fazem com que os usuários troquem o transporte coletivo por um transporte particular que é mais rápido e seguro. 

Com essa mudança, cada vez mais as plataformas digitais chegam ao mercado oferecendo um transporte alternativo aos consumidores. A mais recente é empresa “Leva e Traz”. 

O que para alguns significa a queda na procura por parte dos usuários de transporte tradicional, para outros significa uma alternativa perante o desemprego e a falta de opção no mercado. Em Campo Grande cerca de 5 mil motoristas transportam em média 20 mil passageiros por dia.

Outra vitória importante dos aplicativos aconteceu na última quarta-feira dia oito (8). O Supremo Tribunal Federal, decidiu que os municípios não podem impedir o serviço. O ministro Marco Aurélio, elogiou a qualidade do transporte e a segurança, foi mais um golpe na estratégia do transporte coletivo em brecar a novidade.

Transporte coletivo 

Em Campo Grande, o Consórcio Guaicurus recorreu à Justiça para pedir perícia no contrato com o município para provar desequilíbrio econômico financeiro e se livrar do risco de pagar multa de R$ 2,7 milhões por não retirar 48 ônibus velhos de circulação. A produção de provas tem outra finalidade, provar perdas de R$ 76,9 milhões, elevar a idade média da frota e elevar o valor da passagem dos atuais R$ 3,95 para R$ 4,46. Se a passagem realmente subir, as empresas de APP vão faturar ainda mais.

Insatisfação

Segundo Carolina Ribeiro, de 22 anos, que é universitária, a qualidade do transporte coletivo de Campo Grande é precária e não atende à demanda da sociedade. Além disso, ela relata que a espera para fazer a utilização dos ônibus é imensa.

"Preciso pegar às 7h no trabalho, mas para chegar no horário tenho que sair às 5h de casa para ao menos não me atrasar. Já passei mais de duas horas esperando para pegar o ônibus - que passou lotado e não parou no ponto. É exaustivo e extremamente estressante ter que passar por essas situações diariamente", disse a universitária.

"A gente paga caro para andar em ônibus que não possui nenhum tipo de segurança e conforto, isso é um tremendo absurdo. Sem contar que quando chove praticamente morremos de calor, porque os ônibus são velhos, estão sempre cheios e com as janelas fechadas. Parece mais que estou dentro de uma sardinha enlatada", finalizou Lara.

Fiscalização

De acordo com a Agência Municipal de Regulação dos Serviços Públicos (Agereg), a frota de ônibus do transporte público em Campo Grande tem idade média de 6,7 anos, mas o contrato prevê uma idade média menor, 5 anos. Por conta disso, a prefeitura deu um prazo para que o Consórcio Guaicurus renove parte da frota, caso contrário, pode pedir o descumprimento do contrato. “Então demos uma determinação que eles façam a aquisição de 48 ônibus, sob uma pena de uma multa de R$ 2,7 milhões” disse Vinícius Campos, diretor presidente da Agereg.


Foto: Bolivar Porto

Nova empresa de APP

A “Leva e Traz” está confiante em Campo Grande. “Escolhemos a Capital do Mato Grosso do Sul após pesquisa de mercado e dentro de 30 dias vamos fazer um balanço. Nosso objetivo é ouvir os motoristas e os passageiros cada vez mais para oferecermos um transporte de qualidade e preço justo”, disse o executivo do APP, David Lima.

Serviços: 

O APP esta disponível para download nas versões Android e IOS na internet. Este aplicativo vem com um diferencial, o “Seguro APP”, que cobre danos de acidentes dos passageiros e motoristas.

O leva e Traz tem escritório com endereço em Campo Grande, além do telefone fixo e whatsapp para atender os motoristas e passageiros.
 
  • Rua Rio Grande do Sul, 1245 – sala 14, (Entre a Av. Mato Grosso e Rua Antônio Maria Coelho), Jardim dos Estados. 
  • Telefone fixo: (67) 3023-4343 
  • Whatsapp: (67) 9 9307-2506 
  • E-mail: [email protected]
https://play.google.com/store/apps/details?id=com.mobapps.client.speed

Fonte: Diário MS News

Voltar ao Topo

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Envie sua notícia

(67) 99968-0055

© 2019 Diário MS News. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.
Livre reprodução, transmissão ou redistribuição dos conteúdos sem edição. Pede-se a citação do crédito.

Site desenvolvido por: