Campo Grande: Upa lotada e criança com quase 40°C de febre

Reprodução

Dona de casa de 21 anos está indignada com a situação encontrada, nesta sexta-feira (8), na UPA (Unidade de Pronto Atendimento) da Coronel Antonino, em Campo Grande.

Ela precisou levar a filha de 10 meses na unidade e foi constatado que a criança estava com 39°C de febre, arriscando convulsionar.

No entanto, mesmo com o quadro informado na triagem, ela destacou que aguardou atendimento médico por mais de 1 hora.

“Atendimento demorado, posto cheio, pessoas com teste positivo de covid junto da população em geral. Já tem uma hora que eu estou aqui, tem gente  com mais tempo de espera. Na triagem deu mais de 39 de febre na minha filha”, desabafou. 

“Estamos molhando fraldas no banheiro e colocando no corpo para baixar, tem pelo menos mais uma criança na mesma situação”, pontuou a mãe preocupada.

Segundo ela, a preocupação maior também é com a covid, já que estão todos  no mesmo setor. “Tem um rapaz com teste positivo de covid, com a esposa grávida no mesmo salão dos não covid, está muito desorganizado”.

Após mais de uma hora de espera, a criança conseguiu atendimento. A Secretaria Municipal de Saúde informou que são três pediatras na unidade  e que os pacientes são atendidos no tempo protocolar seguindo as prioridades por classificação.

Facebook
Twitter
WhatsApp

Leia Também