Transparência no governo de MS

TRANSPARÊNCIA É o caminho natural da administração estadual para enfrentar a nova realidade que cortou a arrecadação em mais de 18%.  Como se diz, o governo tem que ter também coragem para tomar medidas impopulares, mas necessárias.

CLARO  que essa postura motivará críticas e o aproveitamento eleitoral inclusive. Mas o que o Reinaldo se dispõe é não repetir a farsa do Planalto que possibilitou a reeleição de Dilma. A prioridade é a administração; depois olhará para as eleições.

INSÔNIA  Sai ou não sai a lista de outros envolvidos com as menores do caso do Alceu Bueno e Sergio Assis?  Pelos comentários, gente importante vem atuando nos bastidores para impedir.  Grande chance para a Polícia demonstrar sua independência.

A  CONFERIR   Se concretizada a fusão PSB e PPS, quem será engolido no Estado?  Sem discutir a posição de cada um deles no cenário local, o PSB teria maior cacife para levar vantagem. Pessoalmente não acredito neste casamento a curto prazo.  

DESAFIOS Marcos Trad convencerá que é perseguido a ponto de justificar a saída do PMDB? Já Marta Suplicy tem carta na manga para preservar seu mandato: o seu PT desrespeitou a ética estatutária aceitando o dinheiro ilegal de propina.

A COMPARAÇÃO  entre os casos é oportuna pela atualidade de ambos, com Marta tendo maiores chances de preservar o mandato fora do PT. Ela vai argumentar questão de foro íntimo por não concordar com a postura indecorosa do partido. 

PIADA  O presidente do PT – Rui Falcão – nem ficou vermelho ao anunciar  com toda pompa de que todos os filiados envolvidos em corrupção serão banidos do partido. Mas a regra não vale para Zé Dirceu, Delúbio, João Paulo e outros figurões.

‘MILAGRES’  O PT alardeia: tirou da pobreza 40 mil famílias. Mas ‘esquece’, seus chefes cobraram pedágio com a corrupção provada no Mensalão e na Lava Jato. Isso sem contar que o Lulinha, ex-monitor de zoológico – virou mega empresário. 
 

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp

Leia Também