Tava ruim e piorou – Campo Grande ta cheio de burados

As vias públicas de Campo Grande, capital de Mato Grosso do Sul, com raras exceções, se transformaram num verdadeiro ‘queijo suíço’, em decorrência do excesso de buracos existentes nas ruas e avenidas da cidade.

Os 2.500 quilômetros de malha viária pavimentada da capital sul-mato-grossense apresentam, verdadeiras crateras, causando transtornos e prejuízos a motoristas e perplexidade aos pedestres que precisam transitar, correndo o risco de tropeçar, cair e se machucar.

A cidade morena está enfrentando graves crises sociais, políticas, de segurança pública e de falta de modernização e conservação urbana. Um grande exemplo são as péssimas condições das ruas, cheias de buracos e desníveis que danificam os carros.

Dirigir em ruas esburacadas dói no bolso também. Numa oficina são de 20 a 30 carros por dia. O movimento aumentou 30%. O pneu de um carro rasgou, a roda empenou e foi preciso fazer realinhamento. Prejuízo de R$ 1,5 mil, disse o morador do bairro Guanandy, Manoel Souza Ribeiro. 

Bernal que, há alguns meses, acusou população de ‘abrir buracos’ nas ruas da cidade durante madrugada, retomou mesmo discurso, mas dessa vez o alvo do prefeito são os motoristas.

Diante de diversas matérias publicadas pela imprensa local e das constantes reclamações de motoristas que tiveram prejuízo com veículos após caírem em buracos e de pessoas que se feriram por conta de acidentes, o prefeito considerou que a culpa é, mais uma vez da população, que, segundo Bernal, precisa ‘aprender a dirigir com profissionais para saber desviar dos buracos’.

Estamos de olho!

Fonte: http://www.campograndenews.com.br/cidades/capital/com-cidade-cheia-de-buracos-bernal-reforca-pedido-de-cautela-a-motoristas
 

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp

Leia Também