“Tapa-buracos” não é prioridade de Bernal

O prefeito Alcides Bernal (PP) reduziu em mais de 85% os investimentos nos serviços de tapa-buraco desde que foi reconduzido ao cargo em agosto do ano passado.

Números levantados junto a Secretaria de Infraestrutura, Transporte e Habitação (Seintrha) mostram que a média mensal de gastos com o serviço em 2013, ano em que Bernal assumiu a prefeitura, era de R$ 5.856.653,95. De novembro do ano passado até março deste ano, a média ficou em R$ 907.964,22, ou seja, menos de R$ 1 milhão.

Consultoria de engenharia procurada pela reportagem doCorreio do Estado, estimou que o investimento médio mensal que deveria ser feito para manutenção de ruas da capital, incluindo recapeamento e cascalhamento de vias, deveria ser de R$ 10 milhões. 

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp

Leia Também