O fantasma de J. Amorim assusta políticos

JINGLES   Marcaram nas eleições. Paulinho Simões (‘Trem do Pantanal’) falou  deles ao cronista na AL – citando ‘Homem de Miranda’ (Renato Teixeira) na campanha de Pedrossiam  em 1990. Ficou gravado na nossa memória e hoje é curtido  no Youtube.

CRÍTICAS Paulinho Simões  diz que os jingles  foram substituídos pelo festival de imagens no horário eleitoral, sem conteúdo e identificação com o perfil e propostas do candidato.  Já os refrões, são copiados das músicas de sucesso nas paradas. E é só.  

EM DÉBITO  Ouço nas fila de banco observações críticas sobre a postura  de André – até aqui – neste episódio das prisões de Amorim, Giroto e cia.  As pessoas se frustram com o estratégico silêncio do italiano, contrariando inclusive o seu estilo habitual.

AS COBRANÇAS   pela manifestação do ex-governador, partem de eleitores de todas as tendências, incluindo-se  da legião de quem o elegeu prefeito e governador. Daí que a pressão  aumenta cada vez mais para ele se posicionar sobre o gravíssimo caso.

O DESGASTE  saiu da esfera pessoal e ameaça lideranças do PMDB, notadamente o mais próximos a André,  também sem argumentos  para justificar o silêncio cemiterial dele.  Com os dias passando, as críticas e as ironias já chegam à internet inclusive.

RISCOS  Ao invés de dar declarações, André foi orientado por seus advogados a se recolher, ciente de que está em curso na PF a exumação do seu condomínio político-governamental . Isso sem contar o caso ‘Coffee Break’, onde seu nome é citado.

LEMBRO  O sentimento anticorrupção cresceu à medida dos novos casos na mídia. O dedo político,  antes poderoso, não barra mais as investigações. Os casos de Pimentel (MG)  e do próprio Lula mostram que o escudo político foi perfurado pela justiça.

J. AMORIM Como ele ficou tão próximo ao poder por tanto tempo?  Ele pecou ao lavar o dinheiro em imóveis, ao contrário de outros que optam em investir em dólar e ouro.  Lembrando: Al Capone só caiu porque sua declaração de renda estava furada.

QUEIMADO Os próprios companheiros de partido admitem que a situação política de Giroto é irreversível diante deste quadro. Questionado pelo cronista, o deputado Paulo Corrêa lembra: a questão é de ordem pessoal e o PR não se pronunciará por enquanto.

BICADAS  Sobre o episódio, o governador Reinaldo tem sido incisivo: “corrupto tem que ir pra cadeia”. Aí solidifica sua liderança e se distancia de André, alvo de  duras críticas suas pelo aquário e outros problemas  em várias obras da gestão anterior.

BASTIDORES  Somar é preciso! Os canais abertos. Aumentam as movimentações por apoio e coligações na busca de musculatura e tempo no rádio e TV. Um exemplo que pode se viabilizar na capital:  juntos, PMDB, PSB, PR teriam 10 minutos na telinha.

E AGORA?  Nelsinho conseguirá superar esses obstáculos que estão corroendo as suas pretensões prefeiturais? O fantasma do ex-cunhado J. Amorim será exorcizado?  Uma eventual liminar judicial teria repercussão eleitoral a ponto de  recolocá-lo no páreo?

NELSINHO  lutou para voltar ao PTB  e se libertar de André. Um imprevisto: o MPE  o denunciou e seus bens bloqueados! Corre contra o tempo. Se inviabilizado – poderia alavancar de vez a candidatura do mano Marcos? A resposta ainda requer mais tempo.

A GUERRA!   O currículo dos candidatos é investigado nesta época.  E com a internet não sobra pedra sobre pedra. Negócios, amizades, família e sexo inclusive.  Nos ‘States’ um exemplo atual: a áurea de boa moça da Hilary Clinton sob risco de desmanchar.   

REPRISE  Claro, faz parte do jogo. Alguns personagens já aparecem nas inserções partidárias  da TV.  acenando em disputar a prefeitura da capital. A mesmice das propostas e a duvidosa capacidade gerencial preocupam os eleitores esclarecidos.

INTERIOR As candidaturas vão aparecendo por conta das rivalidades (e vaidades)  sem nomes que realmente encham os olhos. O PMDB, a exemplo do PT, com poucas chances de vencer nas principais cidades. É parte da fatura pelo desgaste nacional.

BOA IMAGEM  Por onde passa o senador Pedro Chaves impressiona pelo equilíbrio e visão política. Na entrevista ao MS. Record  senti nele  motivação em contribuir  para o desenvolvimento do MS. Um otimista diferenciado graças sobretudo a sua biografia.

BARBARIDADES  As últimas gravações envolvendo as lideranças nacionais mostram à população como é o mundo real do poder político em Brasília. Não há santos neste altar. E aí – a opinião pública é unânime à favor do que faz o juiz Moro na Lava Jato.

FUTURO  As opiniões divergem diante de tantas incertezas e revelações sobre a situação financeira do país. Não há bola de cristal que consiga acertar. Mas todos  nós – independentemente da classe social – já estamos conscientes do que devemos fazer.

‘LEI ROUANET’  A filha da dona da Magazine Luiza levou R$ 512 mil para publicar seu livro de receitas; Erasmo Carlos – R$1.219.588, 00 pelo show comemorando seus 7º anos; Maria Bethânia – R$ 1,3 milhão para fazer seu blog “O mundo precisa de poesia”.

MARIETA SEVERO  mordeu R$ 5.392.183,00; Claudia Leite – R$ 5.883.100,00 para  12 shows; Camila Pitanga – R$ 1.257.102,00  para o filme ‘Pitanga’; Paulo Betti garfou R$ 3.748.799,90 para a peça “À Prova de Fogo”, recomendada pelo Zé Dirceu. Pode?

CONCLUSÃO:    Não foi por acaso que em 2015 o Governo  cortou 30% das verbas da saúde e do ensino federais. Está aí explicado o motivo das manifestações de artistas contra a queda da Dilma. Não querem perder as tetas; eles também gostam de dinheiro.

“Em questões de Estado, cuide das formalidades e esqueça as moralidades”. ( Mark Twain)
 

Facebook
Twitter
WhatsApp

Leia Também