MPE-MS gasta R$ 7 mil com diárias para procurador-geral ser homenageado

Custou mais de R$ 7 mil aos cofres públicos a homenagem que o procurador-geral de Justiça do Estado de Mato Grosso do Sul, Humberto de Matos Brittes, recebeu da Marinha do Brasil, no gabinete do comando do 6º Distrito Naval, em Ladário, a 435 quilômetros de Campo Grande. Em uma sexta-feira (27), o MPE 'enviou' seis promotores para prestigiar a honraria ao chefe e cada um recebeu duas diárias pela viagem. No total, uma despesa de R$ 7.000,76, fora os custos da viagem.

Rodrigo Jacobina Stephanini (promotor de Justiça e secretário-geral do MPE) recebeu R$1.302,65; Paulo Cezar dos Passos (procurador-geral adjunto de Justiça de Gestão e Planejamento) com R$ 1.066,49; Ricardo de Melo Alves (promotor de Justiça e assessor especial do PGJ) com R$ 1.302,65; Cristiane Mourão Leal Santos (promotora de Justiça e assessora especial do PGJ) recebeu R$ 1.013,16; Antonio André David Medeiros recebeu R$ 1.013,16 e Alexandre Magno Benites de Lacerda (promotor de Justiça e chefe de Gabinete do procurador- geral de Justiça) R$ 1.302, 65.

A equipe de reportagem questionou o Ministério Público sobre a finalidade do acompanhamento da comitiva ao evento e por que cada um dos promotores recebeu duas diárias, conforme consta no Diário Oficial do Ministério Público do dia 24 de abril de 2015, mas não obteve resposta até o momento da publicação.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp

Leia Também