Mais de mil já foram multados por uso de vagas especiais em Campo Grande

Mais de mil pessoas já foram multadas neste ano por usarem as vagas reservadas para deficientes físicos e idosos, em Campo Grande. A informação é da Agetran (Agência Municipal de Transporte e Trânsito). De acordo com levantamento, feito entre os meses de janeiro e julho, foram realizadas 714 multas por estacionar em vaga para deficiente e 562 estacionamento em vaga para idosos. No ano passado foram 539 e 313 multas respectivamente.

Saturnino Vogado, de 36 anos que é cadeirante, diz ter sofrido mais uma vez com o desrespeito das vagas especiais. No sábado (8), ele teve dificuldade ao estacionar o carro, no Centro de Campo Grande, pois mototaxistas haviam estacionado os veículos quase na vaga reservada, deixando pouco espaço para manobra. 

A fiscalização, a partir de janeiro de 2016, também vai ser feita dentro dos estacionamentos privados. Para poder estacionar nas vagas é preciso ter um cartão especial. Os interessados, a partir dos 60 anos completos, ou com algum tipo de deficiência ou baixa mobilidade (temporária), podem adquirir o cartão na sede da Agetran, na CAC (Central de Atendimento ao Cidadão) e nos postos do Detran (Departamento Estadual de Trânsito).

Conforme a Agetran, há 138 agentes de fiscalização, que trabalham por escala. O órgão informou que nem sempre é possível fiscalizar todos os bairros da Capital e por isso, a população pode enviar informações das infrações ao WhatsApp da Ouvidoria da Prefeitura (67) 9182-2677.

A multa prevista no Código de Trânsito é de R$ 53,20 e 3 pontos na CNH (Carteira Nacional de Habilitação).

 

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp

Leia Também