Kerry e chanceler cubano têm encontro histórico no Panamá

O secretário de Estado americano John Kerry se encontrou na noite desta quinta-feira no Panamá com o chanceler cubano Bruno Rodríguez. A reunião aconteceu na véspera da abertura da VII Cúpula das Américas, que começa nesta sexta, e foi o encontro de mais alto nível diplomático entre Estados Unidos e Cuba em meio século. Desde 1958 que os chefes da diplomacia dos dois países não se reuniam.

Depois do encontro, o Departamento de Estado americano divulgou a foto de um aperto de mão entre Kerry e Rodríguez. A reunião histórica ocorre cerca de quatro meses após Washington e Havana anunciarem os primeiros passos para restabelecer as relações diplomáticas, rompidas há meio século.

A reunião precede o encontro que os presidentes de Estados Unidos e Cuba, Barack Obama e Raúl Castro, terão nesta sexta durante a cúpula. A Casa Branca disse que não há, por enquanto, uma reunião bilateral programada entre Obama e Castro no Panamá, mas afirmou que os dois líderes terão "algum tipo de interação" durante a cúpula. Na época da reaproximação entre os países, o presidente americano e o ditador cubano conversaram por telefone. No funeral de Nelson Mandela, em dezembro de 2013, a dupla trocou um aperto de mão.

Terrorismo – Em outro sinal de reaproximação, o Departamento de Estado americano recomendou nesta quinta que o nome de Cuba seja retirado da relação de países que financiam o terrorismo. A ilha integra a lista, que também inclui Irã, Síria e Sudão, desde 1982. A sugestão de Kerry deve ser revisada agora por uma equipe da Casa Branca, que depois passará para Obama suas conclusões.

Cuba reivindica sua saída dessa lista, mas não considera a retirada como um pré-requisito para retomar as relações bilaterais com os EUA e reabrir as embaixadas nas respectivas capitais. No entanto, analistas acreditam que esse seria um passo muito importante para a normalização diplomática entre os dois países.

(Da redação)

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp

Leia Também