‘é uma vergonha”, diz Zeca do PT sobre desempenho do governo Dilma

O deputado federal Zeca do PT não está escondendo o aborrecimento com o governo da presidente Dilma Rousseff (PT). Zeca lamentou o pedido de demissão de Celso Cestari do Incra (Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária) e responsabilizou Dilma pelos problemas.

“Foi uma surpresa. É uma perda para reforma agrária do Estado. Uma grande figura e que conhece profundamente a causa. A renúncia mostra a enorme dívida que o governo da Dilma tem com a reforma agrária. É uma vergonha”, opinou.

Zeca diz que está muito aborrecido e preocupado com o abandono de Dilma as causas sociais, o que na avaliação dele está comprometendo muito o governo. “Ela abandonou as causas sociais ligadas ao campo, como reforma agrária, índios e quilombolas. Eu estou envergonhado com o governo Dilma e com o PT”, protestou.

A revolta do deputado tem como principal motivo o que ele classifica como abandono de Dilma a causas sociais para se subordinar aos interesses do latifúndio. “Durante o primeiro governo todinho ela assentou apenas 170 famílias no Estado. Uma vergonha. Os índios vivem miseravelmente e ela não homologou nenhuma terra quilombola. Prometeu e não fez. Estou muito desiludido. Isso significa que o governo está subordinado aos interesses do latifúndio”, concluiu.

Celso Cestari assumiu o Incra pela terceira vez em agosto de 2011 e enviou o pedido de demissão ontem (30). Segundo o deputado, ainda não há definição sobre o nome a substituí-lo. Por enquanto o Incra será comandado por Sidnei Ferreira, servidor de carreira.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp

Leia Também