Desafios de Reinaldo Azambuja

O DESAFIO de Reinaldo continua sendo aquele compromisso de campanha em adotar mecanismos para tornar os preços os combustíveis mais baratos. Essa inquietação  nas lideranças do setor pode desembocar naturalmente na Assembleia Legislativa.

BOA VONTADE Não tem faltado aos deputados na apreciação dos problemas da atual administração. O próprio deputado Rinaldo, líder do Governo, reconhece. Mas diante do dinamismo da política, é inadmissível que essa ‘lua de mel’ não tenha fim.

‘DAY AFTER’  Divulgada a Lista de Junot, veio o desabafo do senador Delcídio pelas especulações desgastantes na campanha eleitoral . Mas ele evitou o confronto, não citou Azambuja e nem Antônio João, os maiores predadores de sua imagem na TV.

VIDA NOVA  As compensações financeiras – via justiça – não  reverterão os prejuízos políticos. Só amenizam a bronca, massageiam o ego lavando a honra. Claro, é uma questão personalíssima, que não admite palpites de quem quer que seja.       

INEGÁVEL: O prestígio do senador está em alta no Planalto. A escolha  para presidir a ambicionada Comissão de Assuntos Econômicos prova isso. Cicatrizadas as feridas, ele vai se reinserindo no contexto alinhavando seus projetos. A vida como ela é…

DESGASTES André perdeu politicamente. Reinaldo poderá provar do mesmo veneno  ao insistir na cobrança da taxa de inspeção veicular.  Qualquer instituto de pesquisa  comprovaria: a opinião pública é contra essa herança do governo anterior.

A QUEDA da arrecadação é real. Reflete no governo e em nós.  A inflação estrangulou o orçamento; qualquer real faz falta. A procura pela gasolina mais barata, por exemplo,  tem provocado uma verdadeira peregrinação pelos postos das cidades. 
 

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp

Leia Também