Colheita da soja atinge 22% da área plantada em MS, aponta entidade

Circular técnica do Sistema de Informação Geográfica do Agronegócio (Siga), da Associação dos Produtores de Soja de Mato Grosso do Sul (Aprosoja/MS), aponta que até o dia 5 de fevereiro, os agricultores do estado já haviam colhido cerca de 22% da área cultivada com a oleaginosa no ciclo 2014/2015, que foi de 2,3 milhões de hectares.

Segundo o Siga, o trabalho estava mais adiantado na regiões sudeste e sudoeste de Mato Grosso do Sul, onde a média de áreas colhidas era de 27,4%. Os municípios com maior percentual eram: Amambai, com 50%, Dourados e Aral Moreira, com 40%.

Já nas regiões central e norte a média de áreas colhidas era de 12,2%. As cidades em que o procedimento estava mais acelerado eram Chapadão do Sul, com 30% e Costa Rica, com 20%.

No que se refere à sanidade das lavouras de soja em Mato Grosso do Sul os números permanecem estáveis, de acordo com o Siga, com 19 casos registrados de ferrugem asiática até o momento, quantidade inferior a mesma data da safra passada que apontava 23 ocorrências.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp

Leia Também