Aumento na conta de luz em abril ficará entre 5% e 7%, estima Aneel

O reajuste anual na tarifa de energia elétrica, que deverá valer a partir de 8 de abril, ficará entre 5% e 7%. A informação foi repassada pela Aneel (Agência Nacional de Energia Elétrica) ao Codecon (Conselho de Consumidores da Energisa MS) na sexta-feira (20).

A indefinição ainda ocorre porque, conforme nota divulgada pelo Codecon, a Aneel informou estar aguardando o fechado do IGPM (Índice Geral de Preços do Mercado) e o cálculo do impacto da variação cambial do dólar. “Mas a Aneel infomrou que não há anormalidade e o índice deve fechar entre 5% e 7%”, diz a presidente do conselho, Rosimeire Cecília da Costa.

Esta semana, a concessionária emitiu nota informando a previsão de 6% de reajuste. No começo de março, foi determinada uma ‘revisão extraordinária’, em média de 27,9%, na tarifa de energia elétrica dos consumidores da Energisa.

Em reunião na Aneel em Brasília, a presidente do Codecon apresentou documento do conselho sobre a necessidade de redistribuição do chamado CDE (Conta de Desenvolvimento Energético), além de pedir redução da alíquota de ICMS sobre a bandeira vermelha na conta de luz, de 17% para 12%.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp

Leia Também