Alvo de protestos em outras regiões, Eduardo Cunha visitará MS

A agenda do presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), inclui a Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul como próxima parada do projeto ‘Câmara Itinerante’. A visita do peemedebista carioca, que enfrentou ondas de protestos nas demais visitas pelo país, será na próxima sexta-feira (24). 

Oficialmente o projeto da Câmara vai percorrer os legislativos estaduais de todo o Brasil para discutir temas como o pacto federativo e a reforma política. Em Campo Grande, a visita de Cunha acontecerá às 8h da manhã no plenário da Assembleia do Estado. 

A passagem do presidente da Câmara pelos Estados tem sido conturbada. Ele enfrentou manifestações nas Assembleias do Paraná, São Paulo, Rio Grande do Norte e Paraíba, todas pode onde o projeto já passou. 

Eduardo Cunha, um dos políticos investigados com autorização do STF (Supremo Tribunal Federal) após a operação Lava Jato, da Polícia Federal, esteve em Mato Grosso do Sul no começo de dezembro de 2014, quando ainda era candidato à presidência da Câmara Federal. À época foi recebido pelo ex-governador André Puccinelli (PMDB), de quem solicitou apoio em sua vitoriosa campanha. 

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp

Leia Também