Administração Bernal: prefeitura “usa tinta” para tapar buraco

Que Campo Grande está tomada por buracos a população já sabe, mas que buracos estão sendo sinalizados pela Prefeitura é novidade. Na avenida Ministro João Arinos, uma das vias que sofre com a buraqueira na Capital, a reportagem flagrou buracos sendo pintados pela equipe que faz a sinalização horizontal – pintura de faixas no asfalto.

Em contato com Amilton Cândido de Oliveira, titular da Seintrha (Secretaria Municipal de Infraestrutura, Transporte e Habitação), ele informou que estava em reunião e não poderia falar com a reportagem. A assessoria de imprensa da Prefeitura, até o fechamento deste texto, não respondeu ao e-mail encaminhado solicitando informações a respeito.

A pintura dos buracos foi flagrada em um dos trechos mais problemáticos da João Arinos, próximo a um dos acessos ao Tiradentes, próximo à esquina com a Rua Cândida Lima de Barros. A avenida já foi tema de várias reportagens sobre os buracos nas ruas de Campo Grande rencentemente.

Protesto – Pintar buracos não é necessariamente novidade na cidade. No entanto, a medida costuma ser adotada como forma de protesto: muitos moradores usam da criatividade, como pintá-los e sinalizá-los com setas. 

Algumas pessoas chegam a plantar árvores no meio de algumas vias de Campo Grande e tomar tereré sob elas para ironizar a situação. Outros colocam plaquinhas nos buracos com dizeres “Socorro, me tampe” ou “Café da Câmara” (fazendo referência ao dinheiro gasto nos órgãos e o ‘esquecimento’ das ruas), como já foi noticiado.

E o problema dos buracos acaba acentuando-se, principalmente devido às chuvas que têm caído na Capital nos últimos dias, danificando o asfalto. O dinheiro gasto com a sinalização horizontal, inclusive nestas imperfeições, pode ter que ser usado novamente caso sejam reparados, ou seja, a medida acaba caracterizando-se um desperdício de verba pública.

Fonte: Campo Grande News

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp

Leia Também