500 novas vagas no Vale Universidade

“Cada nova vaga dessa oferecida amplia a esperança do estudante e de cada família de nosso Estado por um futuro melhor”. Foi assim, sempre confiante que por meio da educação o presente pode se tornar um futuro ainda mais pujante, é que a vice-governadora e secretária de Estado de Direitos Humanos, Assistência Social e Trabalho, Rose Modesto, anunciou diante de um auditório com mais de mil acadêmicos do Programa Vale Universidade (PVU) de várias cidades de Mato Grosso do Sul, na tarde desta terça-feira (19), na capital, a ampliação do PVU em mais 500 novas vagas. Essa é a primeira vez que há o lançamento da edição de inverno do programa.

Rose Modesto reforçou o compromisso que o Governo do Estado tem com o fim das desigualdades sociais. “Tudo passa pela educação e o fim das desigualdades sociais também. Estamos certo que investindo nessa ampliação do PVU vamos atingir outros indicadores sociais e melhorar a vida de muitas famílias de MS”. 

Estudante do curso de Educação Física, Bruna participa de projeto social em seu bairro.A edição de inverno do programa amplia de forma inédita a esperança de acadêmicos, de universidades públicas e particulares do Estado, em terem um apoio maior durante sua formação. Dançarina e filha de uma família com cinco irmãos, Bruna Oshiro, 20 anos, beneficiária do programa, é uma das amostras de como a educação e o incentivo do Governo do Estado podem ser agentes transformadores de uma realidade antes já sem perspectivas. Bruna conta que sua entrada no Vale Universidade deu novos horizontes aos seus projetos. “Graças ao Vale Universidade consigo hoje cursar Educação Física na Unigran, aqui em Campo Grande, e ainda ajudar minha comunidade em um projeto social de dança na escola do bairro. Assim como transformou pra mim, com certeza essas novas vagas irão representar a mudança na vida de muita gente e suas famílias”, disse.

Os 270 km percorridos todos os dias não desanimam o estudante de Administração, Anderson Silva.Mostra que sempre há tempo para o novo, podemos ter com a trajetória do estudante Anderson da Silva, 35 anos. Morador de Bela Vista, ele percorre todos os dias mais de 270 km, indo e vindo de suas aulas noturnas em Ponta Porã no curso de Administração, da Faculdade Ponta Porã (FAP). Anderson pensa alto e quer, após concluir sua graduação, alçar novos voos em um mestrado. “Quero progredir ainda mais nos meus estudos. Demorei um pouco pra começar, mas agora que consegui vou ainda mais longe. Isso tudo pela ajuda que tive com o Vale Universidade”, ressaltou. Ele ainda aponta ainda que após formado quer colaborar com o desenvolvimento de sua região, trabalhando e apoiando o agronegócio em sua cidade.

O evento de lançamento do Vale Universidade de Inverno também contou com a presença de representantes do legislativo da capital, do Estado e secretários de Governo.

Vale Universidade de Inverno

O processo seletivo de inverno estará aberto entre os dias 3 de julho e 3 de agosto. No dia 5 de agosto, será divulgada a lista de pré-habilitados e entre os dias 10 e 13 de agosto, o acadêmico deve apresentar a documentação exigida.

Para candidatar-se ao Vale Universidade, o acadêmico deve estar matriculado em instituição de ensino no Estado que tenha convênio com o programa. Em MS, a grande maioria das instituições está conveniada com exceção dos cursos à distância.

O aluno deve ter renda individual máxima de R$ 1.448,00 enquanto a familiar não pode ultrapassar R$ 2.896,00. A lista de documentos será disponibilizada em edital nos dias apontados para inscrição no site: www.sedhast.ms.gov.br.

Leomar Alves Rosa (Assessoria Vice-governadoria e Sedhast)

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp

Leia Também