5º lugar no GP da Austrália deste domingo, Felipe Nasr se emociona: “Foi tudo perfeito do começo ao fim”

Foi um fim de semana de fortes emoções para Felipe Nasr e a Sauber. Depois de toda apolêmica na justiça envolvendo a equipe e o holandês Giedo van der Garde, nem o piloto, nem o time imaginavam terminar o fim de semana de uma forma tão especial. Com uma atuação “de gente grande”, o brasileiro de 22 anos levou o carro à quinta colocação no GP da Austrália deste domingo. Foi a melhor estreia de um piloto brasileiro na história da Fórmula 1. Além disso, a Sauber voltou a pontuar após passar em branco em 2014. E logo com os dois pilotos – Marcus Ericsson terminou em oitavo.

– Estou muito feliz, não dá para esconder. Controlar a emoção foi difícil. Essa foi para o Brasil, para todos que acreditaram. Foi um dia bem emocionante para mim, para as pessoas que trabalham comigo, para minha família, para torcida brasileira. Não imaginava de jeito algum que seria assim. Eu não podia ter pedido mais para ter um começo assim. Foi tudo perfeito do começo ao fim – celebrou.

Antes de sair do carro, Nasr não conteve as lágrimas. Da pista para os boxes, foi abraçado efusivamente por diversos membros do time. Chefe da equipe, Monisha Kaltenborn, também não segurou a emoção. Peter Sauber, dono do time, era outro em êxtase com o resultado. 

– Estou muito aliviada. Foi um grande resultado para o time. Ele mostrou uma performance fantástica. Felipe fez as coisas certas na hora certa. Ele tirou o máximo do potencial do carro e administrou a corrida dele muito bem – elogiou Monisha.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp

Leia Também