Joel Faustino pede que Auxilio Emergencial seja estendido a todos os amputados

24.07.2020

Foto: R

Uma das mais antigas lacunas existentes no universo das políticas públicas de inclusão social e econômica, começará em breve a ser preenchida. Trata-se do atendimento a itens fundamentais que ainda não estão contemplados no leque de necessidades das pessoas que tiveram seus membros amputados, e por isto sofrem com as graves dificuldades que enfrentam para ter direito a uma vida digna e de qualidade. 

A nova realidade está sendo concretizada com a garantia dada pela deputada federal Rose Modesto (PSDB) a reivindicações do ativista comunitário Joel Faustino. Ele tem na luta pelos direitos dos amputados uma de suas ocupações como voluntário de causas inclusivas. Joel explicou à deputada que é muito grande o número de pessoas atravessando situações dramáticas, como o desemprego e a falta de condições básicas de mobilidade, acessibilidade e oportunidade para acessar a serviços e bens essenciais. "Queremos que o Auxílio Emergencial seja estendido a todos os amputados", pediu Joel Faustino, do projeto Amigos do Joel.

Rose Modesto ouviu com atenção o relato e as reivindicações e confessou ser uma fã do trabalho que Joel realiza voluntariamente na defesa dos amputados, sobretudo por usar o esporte como um instrumento de suporte e empoderamento humano. Depois, a deputada assegurou que estará encaminhando várias intervenções, com propostas e emendas. “Pode estar certo que em breve teremos boas notícias”, afiançou Rose. 



DEDICAÇÃO

O ex-motorista de ônibus Joel Faustino já tinha o seu olhar concentrado na direção das pessoas excluídas da cidadania antes mesmo do trágico acidente de trânsito que lhe custou a perda de uma das pernas, em 2009. O acidente, em vez de baixar sua autoestima e derrubá-lo num chão de agonia e lamentações, serviu de motivação para renovar o sentido de via, servindo mais e melhor ao seu próximo.

Saiu do acidente que quase lhe tirou a vida – chegou a ser desenganado – para o cenário dos desafios solidários e de justiça. Na época, em tendo-se fruto de um milagre, reforçou a consciência de que estava vivo por obra de Deus e que com isso poderia dar ao mundo uma contribuição diferenciada em favor das pessoas. Inspirado num esforço que fazia para jogar bola com seu filhinho, viu ali a semente que o incentivou a criar o projeto “Amigos do Joel”.



Nascia assim uma das mais conhecidas iniciativas de organizações solidárias na Capital. O projeto começou com ações educativas, esportivas e de atenção a pessoas de várias idades, com problemas decorrentes da amputação, dificuldades de locomoção e de subsistência. “Não faço isso para me engrandecer. Sou pequeno, o que não me impede de fazer parte dessa engrenagem humana que não se conforma com as injustiças com a privação de direitos que afetam milhares de campo-grandenses”, diz.

PRÊMIO NACIONAL

A Câmara dos Deputados prestigia entidades e personalidades que atuam em prol da inclusão de pessoas com deficiência, com o prêmio "Brasil Mais Inclusão". Joel Lídio Faustino de Campo Grande, foi selecionado por duas vezes para receber a premiação devido aos trabalhos prestados à frente do projeto "Amigos do Joel", que busca orientar e dar assistência técnica a amputados.



Para conhecer o projeto, “Amigos do Joel”, ligue para (67) 9 9196-1012.
https://www.facebook.com/joellidio.faustino
https://www.facebook.com/AmigosJoelLidioFaustino/

Fonte: Assessoria

Antonio Ueno

Jornalista e Cientista Político 

VOltar ao Topo

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Envie sua notícia

(67) 99968-0055

© 2019 Diário MS News. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.
Livre reprodução, transmissão ou redistribuição dos conteúdos sem edição. Pede-se a citação do crédito.

Site desenvolvido por: